A retirada do valor deve ser feita por meio da apresentação de formulário preenchido, além de documentação específica

fgts

Os brasileiros que moram no exterior, incluindo Japão, também podem solicitar o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), sem necessidade de voltar ao Brasil.

A retirada do valor deve ser feita em um consulado do governo brasileiro, com a apresentação do formulário Solicitação de Saque do FGTS preenchido, além da documentação (original e cópia) que comprova o direito à movimentação da conta vinculada. Importante: a Solicitação de Saque do FGTS somente deve ser assinada na presença do representante consular.

O formulário e a lista de documentos exigidos, além dos endereços dos consulados que recebem as solicitações, podem ser encontrados no site do FGTS.

O valor só poderá ser creditado em conta bancária da Caixa ou outra instituição no Brasil que seja de titularidade do trabalhador. Entretanto, se ele não tiver mais conta no País, pode indicar alguém de confiança. Caso todas as exigências tenham sido atendidas, a quantia será liberada em até 15 dias úteis após a entrega da documentação.

Para conferir o extrato, o trabalhador pode acessar o site da Caixa ou, com a ajuda de alguém em território nacional, solicitar extrato nas agências da Caixa por meio de procuração feita para esse fim pelo titular da conta.

Quem tem direito
Para sacar o FGTS, o trabalhador precisa atender a algumas condições básicas, como ter tido o contrato de trabalho rescindido pelo empregador, sem justa causa; ter extinção normal do contrato de trabalho a termo; aposentadoria concedida pela Previdência Social; permanência do trabalhador por três anos ininterruptos fora do regime do FGTS e permanência da conta vinculada por três anos ininterruptos sem crédito de depósito, para afastamento ocorrido até 13 de julho de 1990.

Acordo internacional
O saque em consulados é fruto de parceria entre a Caixa e o Ministério das Relações Exteriores, lançada em 2010, em Nagoia (Aichi). Nos anos seguintes, outros consulados nos Estados Unidos e na Europa passaram a disponibilizar o serviço.

Até 2016, já foram feitos mais de 11,3 mil saques no exterior, total de aproximadamente R$ 230,4 milhões. Neste ano, a maior quantidade de retiradas foi feita nos países das Américas: foram 1.245 saques, que somaram R$ 35,9 milhões.
Fonte: Alternativa

30/06/2016 – Nesta quinta-feira não haverá liberação de visto para o Japão de sansei (pessoas da terceira geração) nem os cônjuges no consulado japonês de São Paulo. Por favor, não comprem passagem  nem firmem compromisso com o Japão antes de ter o passaporte com o seu visto japonês visto em mãos.

O consulado japonês de São Paulo banner sanseiesta demorando para entregar o visto para quando o descendente é sansei (terceira geração), até meados de maio de 2012 eles estavam atrasando uma ou duas semanas a devolução do passaporte e isso chegou a ser resolvido, em meados de junho, porém em julho a quantidade de vistos que o consulado esta demorando para entregar é bastante grande.

  Temos recebido ligações de passageiros que solicitaram visto japonês por  meio de agências ou promotores de sua confiança que não tem mais o que responder devido a demora na entrega do referido visto, e alguns comentam que chegam a ligar no consulado para obter uma resposta mas o consulado informa que não tem posição sobre o assunto, algumas pessoas chegaram a comentar que tem alguma ligação com a  ajuda que o governo japonês deu na época da crise financeira mundial, e acreditam que o consulado esta averiguando a situação dessas pessoas no Japão para depois ser liberado, mas nem todos pegaram ajuda e ficam na dúvida da demora na resposta do consulado.

Existem empresas no Japão que estão esperando os passageiros chegarem e começarem a  trabalhar porém com este atraso acaba retardando o processo de colocação do funcionário e consequentemente este deixa de ter a vaga que era certa.

Ninguém sabe até quando vai durar mas o consulado poderia reconsiderar a reemissão do visto no período correto de 6 semanas, já que em outubro de 2013 foi liberato inclusive o retorno do pessoal que pegou este benefício de 300 mil yenes.

 

Cori Passos
www.vistojapones.com.br
cori@vistojapones.com.br

Consulado japonês reajusta as taxas de emissão de visto a partir de 1 de abril de 2016. O pagamento da taxa de emissão do visto para o Japão, deve ser feito no momento da retirada, em dinheiro, junto ao guichê do Setor de Visto.

Solicitações a partir do dia 01 de abril de 2016.

visto para japao

Visto de uma entrada

Brasileiros e outros

R$ 79,00

Indianos

R$ 22,00

Iranianos

R$ 132,00


Visto de múltiplas entradas

Brasileiros e outros

R$ 158,00

Indianos

R$  22,00

Iranianos

R$ 263,00


Visto de trânsito

Brasileiros e outros

R$  18,00

Indianos

R$    2,00

Iranianos

R$ 132,00

Extensão da Permissão de
Re-entrada

R$ 79,00


Fonte: Consulado do Japão em São Paulo

www.shigoto.com.br

eleitoral2016O Consulado Geral do Brasil em Nagoia informa que o cadastramento eleitoral ficará suspenso no período de 5 de maio a 6 de novembro deste ano. Isso ocorre por conta das eleições municipais no Brasil, conforme comunicado do Cartório Eleitoral do Exterior. Isso se aplica tanto no Brasil quanto no exterior.

Em decorrência disso, não será possível solicitar alistamento, transferência e revisão eleitoral.

O Consulado Geral do Brasil informa que os eleitores com pendência tem até o dia 2 de maio para dar entrada dos pedidos, antes do feriado de Golden Week.
Fonte: IPC Digital com Consulado do Brasil em Nagoya

Assinatura do Memorando entre o Governo do Japão e o Governo da República Federativa do Brasil sobre a Facilitação da Emissão de Vistos de Múltiplas Entradas para Portadores de Passaportes Comuns

Vistos de Múltiplas Entradas para o Japão1. No dia 02 de fevereiro, foi assinado em Tóquio o "Memorando entre o Governo do Japão e o Governo da República Federativa do Brasil sobre a Facilitação da Emissão de Vistos de Múltiplas Entradas para Portadores de Passaportes Comuns" pelo Ministro de Estado dos Negócios Estrangeiros do Japão, Sr. Yoji Muto, e o Embaixador do Brasil no Japão, Sr. André Corrêa do Lago.

2. Fez-se presente na solenidade o Secretário Executivo e Subsecretário-Geral de Política II do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, Sr. José Alfredo Graça Lima, em visita ao Japão.

3. O Memorando confirma a implantação mútua da extensão da validade do visto de visitante temporário no Japão e do visto de turista no Brasil em até três anos e a permanência máxima de até 90 dias a cada estadia.

4. Desta forma, é esperado o fomento do intercâmbio nipo-brasileiro com o incremento no número de turistas a partir da implantação das medidas supramencionadas.

Medidas adotadas até o presente:

 

Validade máxima

Período máximo de cada estadia

Visto japonês

Até 3 anos

Até 30 dias

Visto brasileiro

Até 90 dias

Até 90 dias


Medidas confirmadas pelo memorando:

 

Validade máxima

Período máximo de cada estadia

Visto japonês e brasileiro

Até 3 anos

Até 90 dias

Fonte: Embaixada do Japão no Brasil

recesso 2015

Informamos que o Consulado Geral do Japão em São Paulo estará fechado nos seguintes dias:

  Dezembro/2015

  24 (Quinta-feira)     Véspera de Natal

  25 (Sexta-feira)       Natal

  29 (Terça-feira)       Recesso de fim de ano

  30 (Quarta-feira)     Recesso de fim de ano

  31 (Quita-feira)       Recesso de fim de ano

  Janeiro/2016

  01 (Sexta-feira)      Feriado de começo do ano

Voltará ao atendimento normal a partir do dia 04/01/2016 (Segunda-feira).

Mais informações, favor entrar em contato com o Consulado Geral do Japão em São Paulo, tel.: (11) 3254-0100.
shigoto.com.br
visto japones, emprego no japao, turismo e passagem para o japao

passaporte novoO Consulado-Geral em Tóquio comunica que a partir do dia 9 de novembro será dado início à emissão de passaportes válidos por dez anos.

A taxa consular aplicada para emissão do novo modelo de passaportes, cujos titulares sejam maiores de 18 anos, é de R$-ouro 120,00, ou ¥ 16.800.

Documentos de viagem de menores de 18 anos têm prazos de validade diferenciados:

– de 0 a 1 ano de idade incompleto       -  1 ano de validade;

– de 1 a 2 anos incompletos de idade   -   2 anos de validade;

– de 2 a 3 anos incompletos de idade   -   3 anos de validade;

– de 3 a 4 anos incompletos de idade   -   4 anos de validade;

– de 4 a 18 anos de idade incompletos -   5 anos de validade.

De acordo com a idade do menor e o prazo de validade, é aplicada a cobrança dos emolumentos (os emolumentos são estabelecidos em Reais-ouro, moeda cambiada para ienes. Atualmente, R$-ouro 1,00 = ¥ 140):

– menores entre 0 e 4 anos incompletos de idade   –  R$ ouro 40,00 ou ¥ 5.600;

– menores entre 4 e 18 anos incompletos de idade –  R$-ouro 80,00 ou ¥ 11.200.
Fonte: Consulado do Brasil em Tóquio

Será que o governo japonês irá liberar o visto para yonsei (descendentes de quarta geração)?

visto-para-yonseiCom o aumento no fluxo de brasileiros retornando ao Japão em 2015, um assunto polêmico voltou à tona: os descendentes de quarta geração (yonsei) poderão ter visto de permanência liberado?

Nas últimas semanas, temos recebido muitas mensagens de brasileiros que são descendentes de japoneses em 4º geração (yonsei) sobre a liberação do visto de permanência. Campanhas e petições estão sendo registradas, mas nenhuma sinalização positiva foi dada até o momento por parte do governo japonês.

Atual situação do visto para yonsei (quarta geração de descendentes)
Na atual lei de imigração, o visto de trabalho para descendentes de japoneses, só é liberado até a 3º geração (sansei). Os filhos de sanseis podem ter visto enquanto são menores de idade. Uma nova medida parece que foi implantada, e para pessoas maiores que 16 anos o visto não será liberado, apenas para crianças em idade de ensino fundamental. Mas os yonseis que completam a maioridade aqui no Japão, podem ter o visto de trabalho e renovar normalmente, mas caso retornarem ao Brasil e o visto vencer, não poderão voltar ao Japão a trabalho.

cori-passos-shigoto.comCampanha para liberação de vistos para Yonsei
Cori Passos, responsável da agência Shigoto.com, está a frente de uma campanha que visa a liberação de visto para yonseis. Em uma notícia no site da empresa há informações sobre a campanha. E no Facebook há um grupo para divulgação da campanha.

Segundo Passos, uma forma de todos colaborarem é através do cadastro em relação à liberação do visto e na própria petição online:

No cadastro, mesmo pessoas contra a liberação estão se cadastrando e explicando seus motivos.

Segundo Passos, o resultado da campanha está melhor que o esperado. Muitos cadastros e apoio à petição. “Mas peço aos interessados que divulguem. Muitas pessoas que esperam apenas a liberação não estão ajudando com divulgação, mas há pessoas que estão super empolgadas e divulgam em suas redes, e isso tem dado o que falar, principalmente pelos meios de comunicação!”

Os interessados devem se conectar com estas redes e contatos e aguardar os resultados, ainda sem previsão.

liberação visto yonsei
Yonseis no Brasil estão querendo vir ao Japão
Muitos descendentes de quarta geração que estão no Brasil aguardam ansiosamente a liberação do visto de permanência para yonsei. Segundo algumas pessoas que conversamos, elas aguardam o resultado de uma petição que teria sido protocolada com previsão de resultado para 2016.

familia-yonsei-brasileiraA brasileira Yuri Aoyama é descendente de quarta geração (yonsei) e está aguardando com ansiedade uma possível liberação do visto. “Se o visto for liberado eu e minha família iremos o mais rápido possível para o Japão. Sempre admirei a cultura japonesa, costumes e idioma. Eu já fiz até um curso de nihongo com meu marido. Pretendo trabalhar e colaborar com o crescimento do Japão e poder dar uma educação melhor para meus filhos. Meus avós na verdade são japoneses mas não puderam ser registrados no Japão por causa da guerra.”

Eiji Abe, de 27 anos, também é yonsei, e reside atualmente em Goiás. Ele nunca veio ao Japão, mas sua família teve oportunidade de vir ao país e conseguiram juntar recursos para abrir um negócio próprio no Brasil.

“Eu gostaria muito de ter a mesma experiência que meus pais, pois além de poder estar no Japão trabalhando, é uma experiência de vida incrível. Admiro muito a cultura dos meus antepassados, sua organização e educação e vejo como o governo beneficia o povo. Tenho uma visão maravilhosa de um país com uma infraestrutura avançada.”

eiji yonseiE Eiji completa: “Se o visto para yonsei for liberado, embarcaria imediatamente. Sou mestiço, não tenho aparência de descendente, mas faria tudo para ir.”

William Zaiki, de 43 anos, é pai solteiro e descendente de japoneses de quarta geração. Mora em São Paulo (capital). Ele já residiu no Japão, quando menor de idade. Enquanto estava no Japão tinha seu visto normalmente de 3 anos, e morou em Shizuoka e Aichi. Hoje está no Brasil, mas impossibilitado de voltar por não conseguir obter o visto de trabalho.

“Hoje estou buscando estabilidade. Quem tem filhos entende o que digo. No Japão sei que terei uma qualidade de vida melhor, mais segurança em todos os aspectos. Sei que minha vida seria bem melhor no Japão.” Afirmou William. E sobre a campanha que está sendo feita pela liberação do visto, ele vê que está se desenvolvendo de forma positiva.

“Temos uma campanha no Brasil com a comunidade Nipo brasileira e no Japão, onde fiz a divulgação da campanha entre amigos por meio da internet, grupos e comunidades onde postamos variadas informações. Aos poucos foi-se espalhando de forma positiva com várias pessoas aderindo à ideia, assinando e divulgando, o que é muito importante para nós. Temos em posse do nosso amigo Cori Passos da agência Shigoto.com mais de 7 mil assinaturas a favor do visto, além de outra petição em andamento com uma meta de 50.000 pessoas nos apoiando (até o momento há 790 pessoas, mas o número continua aumentando). Graças a Deus o objetivo flui muito bem a nosso favor.” disse William.
Fonte: Portal Mie

Em coordenação com a Prefeitura de Joso, Ibaraki, estamos disponibilizando o mapa dos locais de refúgio da região e informações úteis em Inglês.

Em razão do grande número de pessoas que já se encontram nos abrigos localizados em Joso, a Prefeitura da cidade solicitou que os moradores que necessitem de abrigo procurem preferencialmente os alojamentos localizados nas cidades vizinhas de Moriya, Bando e Tsukuba.

Por razões de segurança, durante as operações de resgate o fornecimento de energia para a cidade de Joso permanecerá desligado. Nesse período, a Prefeitura de Joso poderá ser contatada pelos seguintes telefones: 090-1425-2519 e 080-2037-1603.

Em casos de emergência, o Consulado-Geral em Tóquio poderá ser contatado pelo telefone 03-5488-5665, que funcionará em regime de plantão (o número não se destina à prestação de informações não relacionadas a assistência consular).

Clique no mapa para ampliá-lo.
Fonte: Consulado do Brasil em Tóquio

Mapa-Joso-japan

passaporte-novo-brasilFoi lançado no Brasil, no dia 10 de julho de 2015, o novo modelo de passaporte, com validade de 10 anos. Muito em breve, o novo passaporte será lançado também no Consulado-Geral do Brasil em Tóquio, atendendo a uma importante demanda da comunidade brasileira da região. O lançamento no Japão está previsto para ocorrer a partir de setembro, de acordo com a programação para a distribuição do novo passaporte pelo mundo. A data precisa será divulgada futuramente.

A principal razão para a defasagem de tempo entre o lançamento no Brasil e no exterior é a logística de distribuição dos materiais necessários à emissão dos passaportes entre os cerca de 200 postos da rede consular brasileira.

O novo passaporte tem algumas características que lhe conferem segurança adicional, como um novo padrão de criptografia e novas marcas-d’água. O número de páginas permanece o mesmo.

Os atuais passaportes com validade de cinco anos, tanto os que já tenham sido emitidos quanto os que serão ainda emitidos até o lançamento dos novos passaportes no exterior, permanecem válidos até a data de sua expiração.

Para mais informações sobre emissão de passaporte brasileiro no Brasil e no exterior, clique aqui.
Fonte: Consulado do Brasil em Tóquio
shigoto.com.br
visto japones, emprego no japao, turismo e passagem para o japao

Categorias

twitter.com/vistojapones

instagram

34 Festa das flores e morangos de Atibaia/ SP #atibaia #festadasflores #melhordobrasil #eventoscoloniajaponesa #brasiljapao Chocolate fabricado no Brasil com a hashtag #japao
setembro 2016
S T Q Q S S D
« maio    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930