O total de estrangeiros que moram no país atingiu o recorde de 2.637.251, um aumento de 2,9%japan toquio

O número de brasileiros residentes no Japão aumentou 2,8% no primeiro semestre deste ano, mas os vietnamitas continuam representando o maior crescimento entre os estrangeiros, informou o Ministério da Justiça nesta quarta-feira (19).

O número de brasileiros registrados no Japão era de 191.362 no último dia de 2017 e subiu para 196.781 no final de junho deste ano, formando a quinta maior comunidade estrangeira, atrás de chineses, coreanos, vietnamitas e filipinos.

O número total de estrangeiros que moram no país chegou ao recorde de 2.637.251, um aumento de 2,9%, ou 75.403 pessoas, em relação ao final do ano.

Os vietnamitas tiveram crescimento de 11,1%, para 291.494, e o número de filipinos aumentou 2,4%, para 266.803.

Dos 2.637.251 estrangeiros residentes, 28,8% têm visto permanente, 12,3% são estudantes ou bolsistas e 10,8% são trabalhadores do sistema de estágio do governo. O número de estudantes e estagiários cresceu mais de 4% no primeiro semestre.

Número de estrangeiros por nacionalidade
(As 10 maiores comunidades no Japão)
1. Chineses: 741.656 (aumento de 1,5%)
2. Coreanos: 452.701 (aumento de 0,5%)
3. Vietnamitas: 291.494 (aumento de 11,1%)
4. Filipinos: 266.803 (aumento de 2,4%)
5. Brasileiros: 196.781 (aumento de 2,8%)
6. Nepaleses: 85.321 (aumento de 6,6%)
7. Taiwaneses: 58.456 (aumento de 3,1%)
8. Norte-americanos: 56.834 (aumento de 2,0%)
9. Indonésios: 51.881 (aumento de 3,8%)
10. Tailandeses: 51.003 (aumento de 1,6%)
Fonte: Alternativa